Culturas Tradicionais

A cultura indígena sempre me fascinou. Há cerca de três anos resolvi aprofundar meu conhecimento visitando o povo Yawanawá, onde fiquei por alguns dias. Foi uma experiências inesquecível. Depois dessa viagem, já estive visitando aldeias das etnias kalapalo, kamaiurá, xavantes e tupis. Passar alguns dias com os índios -- o que significa dormir em rede, pintar o corpo, banhar-se no rio, colher meu alimento -- me trouxe uma forte noção de pertencimento e de identidade.

Conectar-se a uma cultura diferente e que ao mesmo tempo é a minha, faz com que uma parte de mim volte a ter luz e se lembre de onde veio. Me interesso por fazer a ponte entre esses saberes e minha vida na cidade. Como isso pode se interligar ? De que forma posso melhorar as minhas relações e minhas escolhas com o que aprendo nas tribos? Como posso me conectar com os saberes antigos?

São ensinamentos tão ricos e profundos que não devem ficar guardados apenas no meu caderno de anotações ou no meu coração. Quero compartilhar na minha vida e atuação como facilitadora. Dessa forma, honro minha ancestralidade e ajudo a construir uma “aldeia urbana” mais leve e com mais valorização humana na sua empresa, na sua equipe, em você.